---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

social
Monitoras dos grupos de idosos e de mulheres são homenageadas

Publicado em 06/12/2018 às 18:00 - Atualizado em 06/12/2018 às 18:29

As coordenadoras do setor de grupos Eza Zabot e Kátia Nilvan Cardoso Bressan prestaram na tarde desta quinta-feira (6), homenagem às voluntárias dos grupos de idosos e monitoras dos grupos de mulheres que realizam trabalhos nos grupos e em suas respectivas comunidades.

 

A coordenação do setor grupos é vinculada ao gabinete do prefeito e realiza o acompanhamento durante todo o ano das atividades desenvolvidas no programa Mulheres em Ação e Oficinas da Sabedoria. “O trabalho desenvolvido por elas é maravilhoso e promove um grande bem-estar às participantes, que, ao irem às atividades dos grupos, saem de casa, se mexem, se divertem e ampliam a qualidade de vida”, ressaltou Eza.

 

O programa Mulheres em Ação oferece atividades que proporcionam às mulheres participantes o aperfeiçoamento de seus trabalhos, despertando a visão empreendedora sociocultural e o exercício da cidadania. Atualmente, 30 monitoras coordenam os grupos do Programa Mulheres em Ação, em Tubarão, atendendo em média 940 mulheres.

 

Já o programa Oficinas da Sabedoria valoriza as pessoas idosas, através da convivência grupal, resgate da cidadania e de seus direitos, potencial criativo e produtivo, na busca de qualidade de vida e pró-atividade. São 30 voluntárias, que atendem 724 pessoas idosas.

O evento foi aberto pela pastora Mariza, que levou aos participantes uma mensagem de fé e otimismo. Logo depois, as monitoras e voluntárias receberam uma placa em homenagem ao trabalho que realizam.

 


O prefeito Joares Ponticelli participou da entrega e enfatizou a importância social dos grupos. “Quanto mais os idosos e as mulheres participam de atividades como esta, menos procuram atendimento nos postos de saúde ou no hospital. Nos grupos, elas esquecem as dificuldades da idade, fazem novos amigos e isso é fundamental para garantir uma vida longa e saudável. Lamento que as políticas públicas do governo federal não valorizem esse tipo de atividade e até dificultam o repasse de recursos, por isso, muitas vezes ficamos sem poder destinar verbas aos grupos. É necessária uma grande mudança e esperamos que o próximo governo olhe mais para os idosos”, falou Ponticelli.

 

O diretor-presidente da Fundação Municipal de Desenvolvimento Social, André Fretta May e a chefe de gabinete do prefeito, Kércia Menegaz também prestigiaram o evento.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar