Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

social
Projeto esportivo de Tubarão é responsável por salvar vidas

Publicado em 23/11/2022 às 17:54 - Atualizado em 23/11/2022 às 17:56

Você já deve ter ouvido falar mais de uma vez, que o esporte possui papel fundamental na sociedade. Jovens lutam todos os dias contra problemas psicológicos, como depressão, ansiedade e até mesmo, abusos sofridos dentro de casa.

 

Em Tubarão, o projeto “Voleibol: Mente e Corpo”, conta com 200 jovens meninas, que variam de 12 a 17 anos. O Ginásio do Sesc, é lugar de refúgio e acolhimento para as meninas que sofrem, ou já sofreram com os problemas citados acima.

 

A Associação de Voleibol Tubaronense (AVT) é a responsável pelo projeto, que conta com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e recebe do Fundo da Infância e Adolescência (FIA).

 

“Voleibol: Mente e Corpo”, teve início no começo do ano, com 150 jovens. Após cometários positivos do projeto, colegas das participantes começaram a pedir para entrar na iniciativa, principalmente aquelas que necessitavam de algum tipo de acompanhamento psicológico.

 

Através da verba adquirida pelo projeto, foi possível a contratação de uma psicóloga, que atua diariamente em atendimentos individuais e em grupos. Ela está realizando um levantamento a respeito da quantia de jovens que passam pelas problemáticas.

 

A professora e treinadora de vôlei Greysian Felisberto, ressalta a importância do projeto e da psicóloga: “A contratação da psicóloga foi uma das coisas mais importantes. Aproximadamente 80% das jovens sofrem com ansiedade, depressão, e até mesmo, abusos sofridos pelos familiares”.

 

Há casos, inclusive, de jovens que tentaram suicídio. Vale ressaltar que alguns casos foram repassados aos órgãos responsáveis, como por exemplo, os que envolvem situações de abusos sexuais.

 

Além da psicóloga, através do projeto, foi possível montar uma estrutura para atender todas as participantes. Atualmente a Associação está bem equipada, e conta com bolas, materiais físicos, carrinhos e birutas de vôlei.

 

Um assistente técnico e uma coordenadora de projetos também compõem a equipe do Voleibol: Mente e Corpo. O objetivo com estes profissionais, é buscar novas metas para o futuro. Os atendimentos são de segunda a sábado, em cinco grupos de trabalho, em diferentes idades e categorias.

 

As aulas de vôlei feminino são realizadas no Ginásio do Sesc (Dehon). Para quem tem interesse em fazer parte do projeto, pode contatar a professora Greysian, através do número (48) 9 9964-2876.

 

O vôlei de Tubarão recebe apoio da prefeitura, através da Fundação Municipal de Esporte (FME), por meio dos programas Bolsa Atleta e Bolsa Técnico.

 

Acredite no esporte, ele pode salvar sua vida!